Como escolher a melhor almofada ou travesseiro para dormir?

Fronha com abas 144 fios

Já alguma vez acordou com o pescoço tão rígido e dorido que parecia o Robocop? Se já lhe aconteceu, podemos desde já afirmar que a almofada que está a utilizar para dormir não é a adequada para si.

As almofadas têm a função de apoiar a cabeça e o pescoço durante as oito horas que, em média, passamos a dormir cada dia, pelo que a sua escolha deve ser feita com cuidado e tendo em conta a posição em que dorme.

Neste artigo damos-lhe várias dicas sobre que almofada escolher ou qual o enchimento de almofada de dormir que mais se adequa às suas necessidades. Na Imperium Decor, loja online de têxteis lar, temos enchimentos de travesseiros para todos os gostos, espreite a nossa loja!

Como escolher a melhor almofada ou travesseiro para dormir?

Da mesma forma que a escolha do colchão e do protetor de colchão é importante para uma boa noite de sono, o mesmo se aplica à escolha do travesseiro certo. Nem todas as almofadas são iguais e nem todas oferecem o mesmo desempenho.

Existe a almofada perfeita? A nossa resposta é SIM, mas a almofada perfeita não é igual para toda a gente.

Para saber se tem uma boa almofada, ou se é necessário mudar, deve assegurar-se que a cabeça, pescoço e coluna vertebral estão alinhados. Isto permite aos músculos relaxar e promove uma boa respiração e descanso. Se este não for o caso da sua almofada atual, é altura de arranjar uma nova.

Diz-me como dormes e dir-te-ei que almofada escolher

A almofada e o colchão formam uma boa equipa, por isso ao escolher a sua almofada de dormir deve considerar como é o seu colchão (duro, macio ou médio) e, acima de tudo, em que posição dorme.

Posição supina ou de barriga para cima

Se gosta de dormir de barriga para cima, ou se o seu colchão é macio, deve escolher uma almofada que seja macia e baixa, de preferência altamente transpirável. As nossas almofadas de penas são ideais para este propósito, já que se adaptam perfeitamente à posição escolhida, sem o deixar com a cabeça demasiado levantada. Se o seu colchão for de firmeza média ou dura, deverá escolher uma almofada de altura média, já que o seu corpo não se irá afundar tanto no colchão e desta forma não ficará com a cabeça demasiado baixa. zamp almofadas 1

Dormir em posição lateral

Se costuma dormir de lado, o melhor é utilizar uma almofada que se adapte à firmeza do colchão, mas que seja de preferência bastante firme e se adapte ao seu pescoço e cabeça. Desta forma terá mais apoio no pescoço e na coluna, ajudando ao alinhamento perfeito das vértebras e ao despertar sem dores. Para ter uma melhor ideia da espessura da sua almofada, pode medir a distância da base do seu pescoço até à extremidade do seu ombro. Desta forma saberá qual a altura ideal para a sua nova almofada.

Dormir de barriga para baixo

Os especialistas desaconselham dormir nesta posição porque é a que menos garante um descanso ótimo para os seus ossos. As suas costas sofrem mais do que em outras posições e o seu pescoço está permanentemente rodado durante um longo período de tempo. Como resultado, poderá acordar com torcicolos e dores lombares. Quem nunca passou por isso?

Para evitar este tipo de desconforto, a melhor coisa a fazer é escolher a almofada de dormir certa. E como a deve escolher? Se dormir num colchão macio, deve colocar a almofada não na cabeça, mas sim debaixo da pelvis.

Quando o colchão é muito macio e flexível, toda a área da cintura para baixo afunda e a coluna vertebral desvia-se na zona da anca. Colocando uma almofada entre o colchão e a pélvis, corrige ligeiramente este desvio e ajuda assim as suas costas a relaxar.

Se o colchão tiver uma dureza intermédia ou alta, é melhor escolher uma almofada baixa e mais macia.

Qual deve ser o tamanho do meu travesseiro?

A largura do travesseiro deve ser sempre maior do que a dos seus ombros. Por outro lado, a altura ou espessura deve variar dependendo da sua postura ao dormir e da firmeza do seu colchão. Assim sendo, quando nos referimos a almofadas baixas, falamos de uma espessura de cerca de 10 ou 11 cm. Quando têm entre 12 ou 13 cm de espessura, são consideradas almofadas médias, e a partir dos 15 cm consideramos que são almofadas altas.

Escolher uma almofada de acordo com o material de que é feito

Existem diferentes tipos de recheios para almofadas, que se dividem em duas grandes categorias: recheios naturais ou sintéticos. Tal como acontece com os colchões, não podemos afirmar categoricamente que um material é muito melhor do que outro. Como sempre, dependerá das necessidades e preferências de cada consumidor, sem esquecer que, dependendo do tipo de enchimento que escolher, determinará tanto o grau de conforto como a vida útil do produto comprado.

Recheios naturais para almofadas de dormir

São utilizados há séculos e a sua particularidade é que repelem naturalmente a humidade. Normalmente duram de cinco a dez anos e as principais matérias-primas são:

Penas ou plumas

Geralmente o recheio das almofadas é de penas e/ou plumas de ganso ou pato. São leves e dão firmeza ao travesseiro.

É um excelente isolante térmico, mantém o calor no Inverno e deixa passar o ar no Verão. Adapta-se perfeitamente à cabeça e à posição de dormir, uma vez que proporciona grande elasticidade e bom amortecimento.

Tanto as almofadas de penas como as de plumas são concebidas para pessoas que dormem de barriga para baixo, desde que não se mexam muito durante o sono.

Cereais

Sim, existem. Há recheios feitos de cascas de cereais, especificamente trigo mourisco, painço ou espelta. Uma solução 100% ecológica que também ajuda a que a sua almofada se adapte bem à anatomia do pescoço e da cabeça. No entanto, este tipo de almofada é muito pesada (entre 2 e 4 quilos) e emite um cheiro peculiar que pode não agradar a toda a gente. No Japão, estas almofadas estão muito na moda.

Sumaúma ou Kapok

O kapok, ou sumaúma como é conhecida em Portugal, é um material 100% natural extraído de árvores tropicais. Escolher uma almofada de sumaúma significa optar por um produto macio, sedoso e leve. As almofadas de meditação são normalmente preenchidas com este material. É uma opção amiga do ambiente e é também biodegradável.

Látex

Embora se possam encontrar almofadas feitas de látex sintético ou misto, o melhor é o látex natural, que é obtido a partir da árvore da borracha. Escolher uma almofada de látex garante um bom apoio para a cabeça, o que a torna a mais adequada para quem dorme de lado ou pessoas mais pesadas. O látex suporta bem os movimentos e é uma opção muito fresca para o Verão, uma vez que é bastante transpirável. É também um material anti-bacteriano, por isso é perfeito para quem é alérgico, especialmente aos ácaros. Como ponto negativo, relembramos que as almofadas de látex não podem ser colocadas na máquina de lavar roupa.

Tal como há colchões feitos de lã, também há enchimento de almofadas feito de lã. A lã torna o enchimento macio mas firme e também regula a temperatura do corpo. Isto significa que no Verão terá uma almofada fresca enquanto no Inverno estará quente. Se escolher uma almofada de lã, deve estar ciente de que esta absorve odores ao longo do tempo e que é mais difícil de manter do que outros tipos de enchimento.

Algodão

Já sabemos que o algodão é um super material por isso não é surpreendente encontrar almofadas feitas com fibras de algodão, que as tornam naturais, macias e respiráveis e que também absorvem humidade. São uma boa escolha se dormir de barriga para baixo e gostar de almofadas firmes. No entanto, não são muito maleáveis e com o tempo acabarão por ficar rígidas.

Recheios sintéticos

Espuma viscoelástica

Foi desenvolvida pela NASA. Este tipo de espuma é feita de poliuretano e tem uma densidade responsiva que lhe permite moldar-se sob pressão e depois voltar ao seu estado original. Poderíamos dizer que é uma almofada personalizada, uma vez que se adapta à sua cabeça e pescoço. Como ponto negativo, emite e retém calor e não é lavável na máquina. 

Poliéster

Fibra sintética, também conhecida como fibra oca siliconada. Este tipo de enchimento resiste muito bem à pressão e recupera facilmente a sua forma. Embora geralmente seja o enchimento mais barato, o seu tempo de vida é curto, acaba por se tornar numa bola e retém e liberta calor. Na nossa loja temos recheio de almofada de poliéster algodão, que unifica o melhor dos dois tipos de almofadas e também de microfibra, com interior composto por fibra oca siliconada 100% poliéster.

lencol algodao branco 144 fios fronhas 2 1

Cuidados e manutenção com a sua almofada de dormir

Embora a sua vida não seja tão “longa” como a de um colchão, se cuidar bem do seu travesseiro, este pode durar cerca de 5 anos sem perder as suas propriedades.

Uma vez por semana, abra as janelas do seu quarto e areje o seu travesseiro. Tente virá-lo frequentemente para não ficar com a forma da cabeça marcada e se for lavável (verifique a etiqueta), lave-o duas vezes por ano.

E se quiser fazer a manutenção perfeita ao seu colchão e travesseiros, use capas protectoras de almofadas. Tal como protege o seu colchão com um protector de colchão ou capa de colchão para evitar o suor, bactérias ou derrame de líquidos, não se esqueça de fazer o mesmo com a sua almofada.

Lave a sua fronha protetora, uma vez de dois em dois meses. E, claro, tal como os lençóis, a fronha (a que vai com os lençóis) deve ser lavada uma vez por semana!

 

Agora que já sabe como escolher a almofada ideal para dormir, dê uma vista de olhos à nossa secção de almofadas e fronhas, disponíveis em várias cores, tamanhos e modelos.

One Reply to “Como escolher a melhor almofada ou travesseiro para dormir?”

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Carrinho de compras (0)

Nenhum produto no carrinho.